NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

terça-feira, 16 de outubro de 2012

O TAPETE DE GASPAR, NÃO ESTÁ SEGURO...




O CDS equaciona, agora, sair do Governo, caso o documento não seja alterado até 31 de Outubro (votação na generalidade).
O ministro das Finanças diz que o Governo não tem "margem de manobra" para alterar o Orçamento do Estado para 2013 e colocá-lo "em causa" é "pôr em causa o processo de ajustamento". A ameaça de Vítor Gaspar na conferência de imprensa de ontem tinha um destinatário directo: Paulo Portas. O CDS equaciona, agora, sair do Governo, caso o documento não seja alterado até 31 de Outubro (votação na generalidade) . À noite, Paulo Portas reuniu o seu núcleo duro para delinear reacção oficial às contas de Gaspar.

5 comentários:

  1. Espero bem que encontrem outro caminho, porque por este não vamos lá.
    Eu estou pronto para dispensar o Vitinho do governo. E vocês?

    ResponderEliminar
  2. Não podemos pôr em causa o futuro, disse à dias o PM. E eu pergunto: Se para Portugal ter futuro, se matam os portugueses de fome no presente, a quem interessa esse futuro?
    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Com portas, janelas, clarabóias ou escotilhas, estamos lixados, eles estão sintonizados, o desacordo é só para Inglês ver, vem-me á memória os gajos da P.I.D.E., na minha experiência com essa corja,também havia quem batesse e torturasse, e a seguir vinha um com um bife com ovo a cavalo, isto não é história, foi vivido por mim e pelo meu companheiro de aventura em Elvas.
    Vais ver que vão ficar amigos como dantes, e quem se lixa é o mexilhão, é mais natural cairem por pressões externas mas dos seus correlegionários, que serem eles a largar o filão.
    Um abraço
    Virgilio

    ResponderEliminar
  4. Olá amigo

    Isto é tudo uma "fantochada" que só nos traz nervosos, ansiosos e à espera do dia que nem reformas, nem pensões, nem sequer salários e vencimentos eles nos paguem.

    Encheram-se à grande, foi "fartar vilanagem", agora nós é que andamos aqui a penar e a procissão ainda nem sequer vai no adro!...

    Beijinhos

    ResponderEliminar