quarta-feira, 25 de julho de 2018

PICANTE DE VERÃO...

O marido e a empregada doméstica



Um tipo chega a casa mais cedo que o habitual. Só lá estava o filho, um puto de doze anos, e a empregada doméstica, que era uma autêntica brasa. O tipo, que há muito esperava semelhante oportunidade, disse ao miúdo:
- Jaiminho, agora, vais ali para a janela e, por cada pessoa que passe na rua toda vestida de preto, dou-te um euro.

O puto foi para a janela e o pai para um quarto com a empregada. Dois minutos depois, interrompe o puto:
- Ó pai, vem ali uma pessoa toda de preto!

O pai:
- Pronto, filho, já ganhaste um euro!

Mais três minutos passados, diz o puto:
- Ó pai, ó pai, agora são duas pessoas!

O pai, já com uma voz trémula:
- Está bem, filho, mais dois euros…

Uns instantes depois, o puto, agora aos pulos de contentamento, grita:
- Paizinho, paizinho,a f* da vai-te ficar cara! Vem ali um funeral…


Anedota enviada por Enesmarks

7 comentários:

  1. Kkkkkkkkkkk esta já conhecia :)) Sem bom ler :))

    Bjos
    Votos de um óptimo fim de tarde.

    ResponderEliminar
  2. Essa última é que mais me fez rir. Logo havia de aparecer um funeral. Para o puto ganhar mais uns euritos à canta da poda!

    Tenhas uma boa noite amigo António, e manda mais com ou sem picante.
    Lá vai um abraço a alta velocidade!

    ResponderEliminar
  3. O pai não sabia o malandro do filho que tinha. Deve ter-lhe servido de lição!

    ResponderEliminar
  4. Cinco estrelas!!!! :)))))
    Aquele abraço

    ResponderEliminar
  5. I like your blog, which help promote your blog and
    we hope that your blog is being updated.
    Royal1688

    ResponderEliminar