NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

A "GRALHA" DE MIRA D´AIRE...

O ANFITRIÃO «TINTINAINE»
O restaurante "A GRALHA" em Mira d´Aire, foi palco de mais um saudável encontro de ex.Camaradas Fuzileiros, que prestaram serviço em Moçambique na CF2 e CF8

O Fuzileiro que veio de Toronto, para fazer parte da festa

Comemos, bebemos e dançámos, sim porque desta vez tivemos música tradicional portuguesa para dançar


São algumas fotos do evento, espero que todos tivessem feito uma boa viagem de regresso

Esta autêntica obra de arte, que se trata do bolo de aniversário deste convívio, não podia passar despercebida à máquina fotográfica...É que além do sabor delicioso, está de parabéns o pasteleiro pelo trabalho realizado

Chegou a hora do descanso, dando continuidade ao passeio de domingo

Em Mira d´Aire

Visita às salinas de Rio Maior

Nada mau, mas passei ao lado

Visita às Grutas de Mira d´Aire, 45 anos depois

Hora do almoço familiar no restaurante "O CANTINHO DA SERRA" junto à N1, recomendo

4 comentários:

  1. Já regressou à figueira
    De um convívio bem organizado
    Na Serra de Mira D'Aire à maneira
    Depois de por lá ter continuado!

    Depois de grande trabalheira
    Um fim de semana sossegado
    António Querido regressou à sua figueira
    Espero bem que a tenha já regado?

    Veio aquele amigo de Toronto
    Para no convívio estar presente
    De Leiria a seguir Monte Redondo
    Figueira da Foz mais a diante!

    Depois do pão com chouriço
    Teu passeio continuaste
    Não encontraste mel no cortiço
    As salinas de Rio Maior visitaste!

    Grande turista português
    Aproveita bem a vida amigo
    Quando partirmos de vez
    Para sempre ficamos de castigo?

    Continuação de boa semana. Para o ano que vem se Deus quiser há mais!

    Um abraço
    Eduardo.




    ResponderEliminar
  2. Caro amigo,companhiro e camarada de armas e combate.
    Por vezes frequentemente e outras raramente, passo por aqui, para te visitar e ver o que tens para contar. Assim o faço com todos os blogues, dos nossos amigos apreciando e descordando comentários, ora por vezes construtivos ora derrotistas conforme o seu modo de pensamento, que em democracia deve ser mesmo assim, isto é, todos temos o direito ás nossas livres opiniões políticas,sociológicas, religiosas etc.etc.,desde que não ofendam nem atinjam a dignidade das pessoas como já tem acontecido.Mas é do convívio que acabamos de realizar que mais quero falar,da amisade que os tempos da gerra do ultramar ou colonial,para mim tanto faz, e que nunca devia ter acontecido porque todas as guerras são injustas e muitos se aproveitam delas para opurtunamente levarem as suas vidinhas,mas como ia dizendo foi essa tragédia que nos deixou unidos, testemunhado neste convívio pelos nossos familiares,filhos e netos.Por isso e apesar de tudo nem tudo foi mau apesar de nos terem abandonado em 1975, como uns"nabos e patetazinhos" das serras e florestas, só nos faltando nesse tempo sermos atirados borda fora ao mar, para repasto dos tubarões, como se uma pandemia nacionalista de nós se apoderasse.A nossa amisade e união vê-se sem políticas, como aconteceu no nosso convívio e em todos os que se realizam em todo o país.
    Um abraço
    Laranjeira

    ResponderEliminar
  3. António, parabéns pela foto/reportagem! Eu só podia gostar mesmo! Uma vez que os meus primeiros 10 anos de vida, foram passados a 2klm desse maravilhoso lugar!
    Boa semana
    Um grande abraço
    Sónia

    ResponderEliminar
  4. Conheço bem este restaurante. Durante 10 anos foi nele que meu cunhado festejou o seu aniversário.
    Um abraço

    ResponderEliminar