terça-feira, 25 de março de 2014

O QUE A ALEMANHA NÃO QUER VER...

5 comentários:

  1. Eu, e os Portuguêses que vivem, trabalharam, e ainda cá trabalham na Alemanha não acreditamos nessa fantochada.

    ResponderEliminar
  2. Eu também tenho algumas dúvidas quanto aos dados aqui mostrados. Ninguém gosta da Srª Merkel, mas não vale a pena exagerar!

    ResponderEliminar
  3. A Alemanha dá o chouriço mais pequeno, a quem lhe der o porco maior e mais gordo.
    E é claro paga aos emigrantes sejam eles ou não portugueses. Pudera foram para erguer prédios, e certamente, construir estradas, portanto não faz mais do o seu dever!

    Por falar em porco. Sabem aquela do Alfacinha, a falar com um alentejano disse; em Lisboa temos uma máquina, mete-se lá o porco inteiro e vivo saem chouriços.
    Responde o alentejano, nós alentejanos temos uma máquina muito mais inteligente do que a vossa. Metem-se lá os chouriços sai o porco inteiro!

    ResponderEliminar
  4. Muitas vezes só necessitamos de uma palavra de conforto, de ânimo,
    de alguém que dedique um pouco do seu tempo para nós.
    E são nessas muitas vezes que encontramos nossos amigos virtuais!
    Hoje venho te abraçar pelo dia do amigo virtual.
    Você é benção na minha vida.
    Quero estar em sintonia contigo
    por muitos anos .
    Como muito carinho deixei um mimo na postagem,
    simples mais de todo coração.
    beijos te agradeço pela nossa amizade.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  5. Há dúvidas sobre o que a Alemanha ganhou desde que nós começámos a andar como o caranguejo há cerca de quatro anos? Os dados estão publicados, não vou falar dos popós que o Estado Português lhes compra, basta vê-los passar! E o resto são cantigas, cantadas por quem, está mal informado, ou fala com o coração!
    Um abraço
    Virgílio

    ResponderEliminar