NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

quinta-feira, 27 de junho de 2013

JÁ NÃO ABUNDA...


Alguém hoje se lembrou de me dizer que abundava, mas isto era antes da austeridade


Agora se não alterarem a ração, só vamos ter ossos para rapar

7 comentários:

  1. Bom dia meu amigo, que cena triste né ver pessoas assim, a primeira é demais e a segunda é de menos, mas é a vida com toda essas coisas por ai, valei a comparação da pra gente refletir muito
    Abraços com carinho
    Rita!!!!

    ResponderEliminar
  2. Nesta questão de bundas
    Mas, que grande chatice:
    Umas ficam muito fundas,
    Outras quase à superfície...
    No exagero ou falta
    Daquilo que comemos,
    Numa e noutra ressalta,
    Peso a mais e peso a menos.
    Olhando as duas de relance
    No enquadramento dos pneus,
    Parece não haver chance
    De substituirem, no carro, os meus...

    ResponderEliminar
  3. De palhaço ou fedelho
    De Cavaco ou Coelho
    Mini-cérebro ou grande bunda
    Tudo nos serve de tema
    Enquanto Portugal se afunda!

    ResponderEliminar
  4. Será um avião?!... Será um Fiat da FAP?!... Será um dos Submarinos do Portas?!... Não, isto é a SUPER-BUNDA!

    ResponderEliminar
  5. Já não abunda, dizes tu
    Porque chamam à bunda
    Se abunda está no cu
    Onde está a funda
    Quem se afunda pode morrer
    Tem cuidado não te afundes
    Para ver essa bunda vim a correr
    Sem dizer não aos bons costumes.
    Para ti amigo António, te desejo
    bom fim de semana
    No Rio Mondego à sombra do freixo
    É mais quente a planície alentejana!
    Um abraço
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  6. Não há fome que não dê em fartura, lá diz o ditado.
    Um abraço
    Virgílio

    ResponderEliminar