NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

ACABE COM CENAS TEATRAIS...



Decida bem SR. PRESIDENTE!

Neste dia mais longo para si e para todos os portugueses, em que o SR. está entalado entre "duas portas de ferro", esperamos que saia acertando uma vez durante a sua carreira política, convidando para formar um governo estável por quatro anos o PS e PSD, pois todos nós sabemos que foram estes dois partidos, os mais votados pelos portugueses pós 25 de abril, sendo também eles, quem nos meteu a navegar nesta casca-de-nós em águas agitadas da austeridade!
Faça parar estes golpes teatrais de Costa, que já traiu o seu próprio colega que se sentia "SEGURO", e recentemente traiu aqueles que votaram nele, não explicando em campanha o que pensava fazer após as legislativas, por tudo isto seria justo que convidasse estes dois a beberem durante 4 anos, água salgada até encontrarem o porto seguro, deixando de fora aqueles que nada tiveram a ver com a situação a que o país chegou!
Acabe-se de uma vez com as cenas de teatro que os portugueses não encomendaram e que Portugal não precisa nesta hora difícil.



9 comentários:

  1. Faça lá melhor escolha,
    por favor senhor presidente
    não agasalha essa falsa gorra
    a cabeça de rica gente!

    Toma a um abraço,
    a coisa irá ser diferente
    bem podes espera sentado
    pela decisão de quem não sente!

    ResponderEliminar
  2. Corrijo: Toma lá um abraço. Assim é que está correcto!

    ResponderEliminar
  3. Acho que já se viu que o Costa não quer governar com a coligação. E o presidente não pode obrigá-lo. Estou é a ver a indigitação de Passos Coelho, com um governo minoritário que não se conseguirá aguentar durante toda a legislatura. E talvez tenhamos novas eleições no próximo ano...
    O que o Costa fez ao Seguro demonstra bem o seu carácter. São as acções que definem os homens, e não as suas palavras.
    xx

    ResponderEliminar
  4. Vamos esperar umas horas e já saberemos o que decidiu o »Pai do Monstro»! Mas admito que, como qualquer bom pai, vai querer defender o seu filho contra tudo e contra todos!

    ResponderEliminar
  5. Por mim, eu penso que para o futuro de Portugal, entre um ou outro venha o diabo e escolha.
    Sofremos 4 anos de austeridade com a coligação, acredito que vamos sofrer com a maioria de esquerda. Isto porque não acredito na possibilidade de um governo estável entre três que têm politicas tão antagónicas, e até à pouco tempo se odiavam. Mas há uma coisa em que não estou de acordo.
    Hoje toda a gente zurze no Costa. Dizem que traiu o Seguro, que o que ele fez não se faz, e não sei que mais. Mas eu lembro perfeitamente das embaixadas de altas personalidades, do PS e independentes, que andaram de volta dele, a pedir-lhe para fazer isso mesmo. Eu até vi uma petição na net para isso. E quando foi a votação. Não é verdade que mais de 75% por cento dos votantes, votaram nele? Acreditavam que ele ia ser o Salvador da Pátria. Como não foi, é um traidor, não tem moral, etc e tal.
    Desculpe o desabafo. Mas revoltam-me as injustiças, venham elas de onde vierem.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  6. Amiga Elvira, desde que estou autorizado a votar, o meu voto foi sempre no PS, até no mandato de Sócrates que me enganou, e agora sinto-me traído pelo Costa por não ter dito que iria formar governo com quem quer fazer como o Tsipras na Grécia, que pelos vistos não lhes serviu de lição!

    ResponderEliminar
  7. É só mais um pouquinho de paciência! Daqui a nada temos aí o homem a comunicar aquilo que ele pensa ser o melhor para nós.
    Vai ser uma grande palhaçada no Parlamento. O Portas diz que acredita que vai haver uma dúzia de deputados socialistas a roer a corda e votar contra o Costa.
    Só nos faltava essa!!!

    ResponderEliminar
  8. O presidente cavaco não se decide,
    indigitar o novo governo, quem diria
    que não tinha duvidas sempre disse
    isso era se a direita tivesse maioria.

    O eleitorado trocou-lhe as voltas,
    não sabe para que lado se deve virar
    o melhor será calçar as botas
    e ir para outra república pregar!

    Mas, que grande desfeita,
    sem cantar ele sofreu
    queria maioria da direita
    mas foi a esquerda que venceu.

    Durante a campanha eleitoral,
    ele sempre pediu uma maioria
    por isso mesmo agora aí a tens
    que fosse assim ele não queria!

    ResponderEliminar