NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

NATAL ILUMINADO DE ALEGRIA PARA TODOS!

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

VEM AÍ O NATAL...

Poema de Natal de Fernando Pessoa

poemas de natal de Fernando Pessoa

Natal...Na província Neva
Nos lares aconchegados,
Um sentimento conserva
Os sentimentos passados.
Coração oposto ao mundo,
Como a família é verdade!
Meu pensamento é profundo,
Estou só e sonho saudade.
E como é branca de graça
A paisagem que não sei,
Vista de trás da vidraça
Do lar que nunca terei!

                                                      Fernando Pessoa


5 comentários:

  1. Engraçado, ontem foi o último dia de aulas na disciplina de literatura Portuguesa, neste período. E foi este o poema que a professora escolheu para a nossa aula.
    Um abraço e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  2. A propósito das palavras do Pessoa, ou talvez por causa delas, hoje até nevou em Jerusalém, cidade onde vive muita gente infeliz. Infelicidade a que se refere o poeta nos seus versos.

    ResponderEliminar
  3. Bom dia e um lindo sábado pra vc!

    Vim deixar meu abraço pelo ano todo que você
    esteve comigo, desejo que me 2014 nossa amizade
    permaneça sempre com muito amor e nossos sonhos
    e realizações venha com grande vitória, mais uma vez
    agradeço por tudo que ganhei nesse Blog , volto em janeiro
    Boas festas e um ano cheio de muita paz e luz!!!

    Rita!

    Ϡ₡ღ¸✿-:¦:-•´¯` ✻.¸¸.ღ♡ღ .¸¸.✻´´¯`•-:¦:Ϡ₡ღ¸✿-:¦:-•´¯` ✻

    ResponderEliminar
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  5. Já naquele tempo...
    Escrevia Fernando Pessoa
    Lá no parlamento
    Será que há gente boa?

    Ele tinha muitas dúvidas
    Escreveu um poema de Natal
    Até se faz vinho das uvas
    Tudo é possível em Portugal.

    Tanta maldade junta
    No parlamento a abralha
    A canalha faz tanta bagunça
    Na político tudo baralha!

    ResponderEliminar